Você está aqui
Home > Notícias > Alain Tissiet fala sobre o papel da Renault para o Desenvolvimento Econômico no XXI CBE

Alain Tissiet fala sobre o papel da Renault para o Desenvolvimento Econômico no XXI CBE

tisserO diretor de Relações Internacionais da Renault, Alain Tissier fala sobre O papel da Renault no Desenvolvimento Econômico de Curitiba e da RMC e Desafios para o Futuro”, durante o XXI Congresso Brasileiro de Economia. A palestra será no segundo dia do evento (10 de setembro), no Painel Economia e Indústria, que terá início às 16h00. O CBE 2015 será realizado na Universidade Positivo, em Curitiba, entre os dias 09 e 11 de setembro, com o tema geral “A Apropriação e a Distribuição da Riqueza – Desafios para o Século XXI”. 

Segundo Tissier, a grande maioria dos habitantes de Curitiba e da Região Metropolitana sabe que há 16 anos a Renault produz carros e motores na Fábrica de São José dos Pinhais, e que a empresa faz parte da paisagem industrial da região. “Isso não é segredo para ninguém, ao contrário. O que ainda é pouco conhecido, mas muito importante, é o impacto sobre a economia local das nossas atividades diretas (salários, impostos e compra de peças) e indiretas (serviços, plano de saúde, treinamentos, responsabilidade social empresarial, etc). Esta ampla sinergia do fabricante local (e das empresas em geral) e do ambiente socioeconômico e político são um dos fatores importantes do crescimento (ou do não crescimento) de todos os envolvidos do setor privado e público”, ressalta ele.

Sobre o tema geral do Congresso, Tissier diz que embora a contextualização seja recente, a questão da distribuição da riqueza esteve presente desde os primeiros dias da humanidade. “Claro que o sentido da palavra riqueza e da maior distribuição evolui com as épocas. O desafio do século XXI e demais séculos que virão é seguramente a tomada de consciência de que os recursos e, portanto, as riquezas do planeta que se creem ilimitadas são de fato limitadas. É preciso ter consciência na raça humana de assimilar este fato quase físico e repensar a vida para que sobreviva. Longe de pensar em cataclismo ou em cenário de fim de mundo, eu prefiro continuar acreditando em nossa capacidade de encontrar novas vias de criação de riquezas e de distribuição”, finaliza.

Sobre Alain Tissier

Nasceu em Paris em 1953. É Graduado pela ESSEC Escola de Administração na França. Entrou para a Renault em 1975. É especialista em logística e distribuição. Trabalhou como líder de projeto e gerente de negócio na Inglaterra, Bélgica e Portugal. Veio para o Brasil em 1993, onde fez parte do projeto Renault desde o seu início. De volta ao Brasil desde 2007, ele é atualmente vice-presidente da Renault do Brasil para o jurídico, as relações governamentais e as áreas de serviços e segurança.

Sobre o Painel Economia e Indústria

O painel Economia e Indústria será composto por três palestras e terá início às 16 horas, no dia 10 de setembro, com encerramento previsto para as 17h45.

1ª Palestra: Insights sobre o Brasil e o Mercado Automotivo – Quais são as Alavancas de Desenvolvimento. Com Antônio Jorge Martins, diretor do CEA – FGV.

2ª Palestra: Overview da Indústria no Paraná – Diagnóstico, Evolução e Perspectivas.

Com Ariane Hinça Schneider, do Observatório da Indústria – FIEP.

3ª Palestra: O papel da Renault no Desenvolvimento Econômico de Curitiba e da RMC e Desafios para o Futuro. Com Alain Tissier, diretor de Relações Internacionais da Renault.

Serviço: CBE 2015

O 21º Congresso Brasileiro de Economia (CBE) é promovido pelo Conselho Regional de Economia do Paraná (CORECONPR), em parceria com o Conselho Federal de Economia (Cofecon). Considerado o maior evento de interesse dos economistas brasileiros, ocorrerá de 9 a 11 de setembro na Universidade Positivo (Rua Prof. Pedro Viriato Parigot de Souza, 5300), em Curitiba/PR. Inscrição com desconto até o dia 10 de agosto (segunda-feira). Acesse o site www.cbe2015.org.br para saber mais sobre o evento e garanta já a sua participação.

Top