Você está aqui
Home > Notícias > CORECONS Difundem Informações sobre Mediação e Arbitragem

CORECONS Difundem Informações sobre Mediação e Arbitragem

Os Conselhos Regionais do Paraná (Corecon-PR), Rio Grande do Norte (Corecon-RN) e Maranhão (Corecon-MA) se reuniram, via teleconferência, para trocar experiências sobre Câmaras de Mediação e Arbitragem, que sofreram alterações após a aprovação do Novo Código de Processo Civil. O encontro no ambiente virtual ocorreu no dia 30 de setembro e foi coordenado pelo Núcleo de Mediação e Arbitragem (MEDIAR), do qual a conselheira regional do Paraná Angeliz Suckow é coordenadora. Além dos representantes dos Corecons, participou Claude Loewenthal, do Instituto de Mediação e Arbitragem do Paraná (IMA).

Tanto a perícia como a mediação e arbitragem contribuem para a solução de conflitos no meio jurídico. O economista atuando como perito é responsável por elaborar um trabalho técnico-científico para analisar as possíveis causas que deram origem às questões econômico-financeiras. O profissional pode atuar como perito do juízo ou assistente técnico de uma das partes. Já a mediação e arbitragem funcionam como uma alternativa ao Jurídico para negociação entre as partes em casos como o de disputa patrimonial e dissolução de sociedade. O economista pode ser tanto o mediador quanto o árbitro. Caso advogados sejam responsáveis pela mediação e arbitragem, ainda haverá espaço para um perito economista, que os auxiliará com as informações técnicas.

“A nossa intenção é promover essa mobilização a nível nacional, com participação de todos os Corecons, já que trata-se de um tema novo e que deve abrir muitas oportunidades no mercado de trabalho para os economistas”, destacou o presidente do Corecon-RN.

Angeliz Suckow informa que os Regionais interessados em participar das próximas teleconferências podem solicitar a inclusão no grupo e que as reuniões no ambiente virtual serão marcadas conforme o interesse e disponibilidade dos Corecons. Até o fim deste ano, está prevista a realização de um encontro em Curitiba para que os Regionais avaliem a possibilidade de criação de Câmaras de Mediação e Arbitragem nos estados.

* Assessora de Imprensa do Cofecon

(61) 3208-1803/ 3208-1806

Fonte: www.cofecon.org.br

Top