Você está aqui
Home > Artigos (Page 2)

Desbancando O Discurso Economicista

Marcus Eduardo de Oliveira Entende-se por Ecologia “a ciência geral das relações dos organismos vivos em relação ao ambiente que os rodeia que, no sentido mais amplo, devem ser consideradas todas as formas de existência”. Pelo menos foi essa a definição dada por Ernst Haeckel (1834-1919), considerado o seu fundador enquanto

Uma Economia que Sirva o ser Humano

Marcus Eduardo de Oliveira  Alinhavado a uma histórica estrutura disfuncional que permeia a economia global, imiscuído na órbita do mercado capitalista, o impacto de dois movimentos basilares da economia - o industrialismo e o consumismo - em dois séculos de existência, desequilibrou completamente a relação homem-natureza; ser humano-meio ambiente; homo sapiens-Terra. A

UM NOVO JEITO DE ORGANIZAR A VIDA ECONÔMICA

Marcus Eduardo de Oliveira Desde que a natureza e os principais serviços ecossistêmicos foram entregues às forças do mercado capitalista de consumo, passando assim a orientar o dogma maior da economia, vale dizer, o crescimento econômico, pouco tempo depois, dois “produtos” emergiram – e, desde então, tem se acentuado cada vez

O Potencial Competitivo do Paraná e o Agronegócio

Econ. Gilmar Mendes Lourenço Em meio a mais extensa e aguda recessão econômica já registrada pelo Brasil, o ranking de competitividade dos estados, preparado pela consultoria britânica Economist Intelligence Unit (EIU), entidade de pesquisas da revista The Economist, e o Centro de Liderança Pública (CLP), em parceria com a consultoria Tendências,

Resgate da Confiança e Distância do Crescimento

Econ. Gilmar Mendes Lourenço O clima conjuntural brasileiro permanece marcado pela paradoxal combinação entre gradativo prosseguimento da recuperação da confiança dos agentes, ligada, fundamentalmente, ao retorno da previsibilidade do ciclo político, com o encerramento do processo de impeachment, e aprofundamento do panorama recessivo que assola o País desde o princípio de

Rumos da Conjuntura Econômica no Governo Temer

Econ. Gilmar Mendes Lourenço A despeito da intensificação da tendência de emissão de sinais inequívocos de restauração da confiança dos atores sociais, especialmente depois do desfecho do processo de impeachment de Dilma Rousseff, com a cassação do mandado da presidente, a conformação de um ambiente de retomada consistente do crescimento no

Nova Queda do PIB e Troca de Comando do Governo

Econ. Gilmar Mendes Lourenço O declínio de -3,8% do produto interno bruto (PIB) brasileiro, entre abril e junho de 2016, em relação ao mesmo período de 2015, calculado pelo Sistema de Contas Nacionais Trimestrais, do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), confirma a situação recessiva vivida pela economia nacional desde

O Voo da Galinha e as Reformas

Econ. Gilmar Mendes Lourenço É fácil perceber o delineamento de um processo de restauração e reforço da confiança dos atores sociais no restabelecimento das condições favoráveis à superação da situação depressiva, que atinge o Brasil desde o segundo trimestre de 2014, e à recuperação do ambiente de negócios. Trata-se de uma renovação

Top